Lendo agora
Vender roupas pelo Instagram: use a rede para lucrar mais!

Vender roupas pelo Instagram: use a rede para lucrar mais!

Vender roupas pelo Instagram

Se você confecciona roupas, é importante saber que realizar vendas online está mais fácil e prático do que nunca. Para isso, estar presente nas redes sociais, utilizando os recursos disponíveis e acompanhando novas ferramentas, é essencial, inclusive no Instagram — já que a plataforma tem um viés imagético.

Assim, é possível utilizar a Internet como uma poderosa ferramenta de divulgação dos seus produtos. Confira nossas dicas para vender roupas pelo Instagram e aumentar a visibilidade da sua marca!

Por que usar o Instagram?

Segundo pesquisa realizada pela We Are Social divulgada em janeiro de 2020, mais de 4,5 bilhões de pessoas usam a Internet, e os usuários de mídia social ultrapassaram a marca de 3,8 bilhões. Quanto ao Instagram, ele está presente na vida de 44% da população brasileira.

A mesma pesquisa revela que 2,26 bilhões de pessoas de todo o mundo, que estão presentes na rede, acessam o Instagram diariamente, de forma que ele vem se tornando uma das principais fontes de informação e de inspiração dos amantes da moda. 

Mão segurando celular que mostra o feed do Instagram.
O aplicativo do Instagram recebe mais de 2 bilhões de acessos diariamente.

Se pensarmos que no período de pandemia e de isolamento as pessoas ficam ainda mais conectadas, já que essa é uma das poucas maneiras de se relacionar de forma segura, é provável que esses números continuem a crescer nos próximos anos.

Isso porque, muito mais que uma rede social para compartilhar o dia a dia, o Instagram tem se tornado uma plataforma de vendas.

O lançamento de algumas ferramentas que você vai conhecer em breve — e que podem ser utilizadas na hora de vender roupas pelo Instagram — proporcionou que o app começasse a ser explorado com mais obstinação pelos lojistas para colaborar com o crescimento dos negócios.

Por isso, faz todo o sentido sua marca estar presente na plataforma, participando do dia a dia do consumidor. Pronta para criar sua lojinha no Instagram?

cta-moda-pos-pandemia

Como começar a vender pelo Instagram

O primeiro passo para começar a sua empreitada é criar um perfil comercial na rede. A opção está disponível desde junho de 2016 e traz funcionalidades focadas em vendas, ao contrário do perfil pessoal.

Ao utilizar uma conta comercial é possível criar anúncios e promovê-los. Essa talvez seja uma das maiores vantagens das vendas pelo Instagram, já que a publicidade pode aparecer tanto no feed quanto nos stories dos usuários, dependendo do que você selecionar.

Com ele, você terá acesso a dados importantes para o negócio, como quantas pessoas viram suas publicações (as chamadas impressões), quais posts estão gerando mais vendas, além de informações gerais sobre o público (como gênero, cidade, país e idade). Dá até para conferir quantas pessoas resolveram ignorar seus stories, por exemplo.

Nome da conta

Este pode ser o seu primeiro passo na hora de começar a vender roupas pelo Instagram: decidir qual será o nome da sua conta. 

O ideal é usar o próprio nome da marca como username. Contudo, se o nome já estiver em uso por outra pessoa, procure uma variável fácil de ser lembrada e de ser digitada. Por exemplo: se o username “suamarca” estiver ocupado, tente usar variações como “sua.marca”, “sua_marca”, “suamarca_”, “_suamarca”, entre outras.

Quanto mais simples for o trabalho do usuário para encontrar o seu perfil, maior o seu sucesso em vendas!

Primeiras publicações

Com o perfil criado, é hora de começar a alimentá-lo com conteúdo. Se você possui fotos profissionais de suas peças, aproveite e use-as na rede. 

Não é necessário postar conteúdos todos os dias: crie uma programação que faça sentido tanto para você, sem atrapalhar a sua rotina, quanto para o público.

Mulher realizando planejamento de conteúdo em calendário do excel.
Na hora de publicar conteúdo no Instagram, criar um calendário de postagens ajuda na organização.

Preocupe-se também com as legendas das fotos, especialmente tamanho e gramática. O Instagram tem um limite de 2.200 caracteres, mas o recomendado é algo em torno de 250-350 caracteres.

Priorize sentenças curtas, evite o máximo possível erros gramaticais — algumas pessoas reparam neles — e não busque apenas por vendas. Esqueça o “compre aqui” e ofereça conteúdo de valor, como dicas e inspirações de looks. 

Demonstre como seu produto pode transformar a vida de quem adquiri-lo, além de trabalhar temas envolvidos com o seu negócio. 

Se você trabalha com moda sustentável, por exemplo, publique dicas de como colaborar com o meio ambiente, dados que demonstrem as vantagens de aderir a esse estilo de vida, entre outros temas de interesse do seu público.

Não se esqueça de investir em conteúdos nos stories. Promoções relâmpago, making of das peças, sugestões de uso e muito mais: utilize a função para aproximar o público do seu negócio.

Mulher gravando vídeo e tirando selfies enquanto divulga os produtos da própria loja no Instagram.
Se você se sentir confortável, vale aparecer no Instagram divulgando seus próprios produtos.

Uma alternativa, se você deseja um trabalho mais profissional e efetivo, é procurar por profissionais especializados em marketing digital voltado para redes sociais. O investimento vale a pena!

Novas funcionalidades

Entre as ferramentas disponíveis no Instagram, três foram lançadas há pouco tempo e têm conquistado o público: IGTV, Reels e Instagram Shopping. Ambas trabalham o audiovisual, mas com algumas diferenças.

IGTV

No feed do Instagram, o tempo máximo de duração de um vídeo é de um minuto. Contudo, após o lançamento do IGTV, tornou-se possível compartilhar vídeos longos.

A opção é perfeita para aqueles momentos que exigem a produção e a divulgação de um conteúdo audiovisual longo, como fashion films de até uma hora de duração.

Reels

Similar ao TikTok, a fase de teste do Reels começou em junho de 2020 no Brasil. Na nova opção do Instagram é possível criar vídeos curtos de até 15 segundos, utilizando diversos recursos, como cortes múltiplos, realidade aumentada, áudio de músicas e até mesmo de outros usuários.

Veja também
verão 2021 tendências

O Reels é uma boa oportunidade para divulgar produtos de forma mais descontraída e divertida.

Instagram Shopping

Por fim, a loja do Instagram também é uma das novas funcionalidades do aplicativo que merece destaque, especialmente na hora de vender roupas online

No Instagram Shopping é possível inserir links para a loja virtual nas fotos do feed, além de outros detalhes, como colocar preço no Instagram e o nome do produto, otimizando o processo de compra do usuário.

vender roupas pelo instagram

Assim, fica evidente como dá pra ganhar dinheiro no Instagram por meio de funções simples e disponíveis para todos os usuários na rede social.

Dicas para fotografar suas peças

Não é sempre que possuímos máquinas fotográficas profissionais e outros aparelhos comuns da fotografia de moda tradicional. Porém, podemos utilizar as novas tecnologias a nosso favor.

As câmeras de smartphones estão cada vez mais potentes e eficazes. Se o seu celular tem uma boa câmera, explore os recursos e procure por dicas específicas para o seu aparelho.

Alguns dispositivos, por exemplo, possuem câmeras com recursos manuais, em que você controla o clique — da velocidade do obturador até o foco seletivo.

Use a criatividade na hora fotografar roupas para vender online. Monte um cenário, cuide da iluminação, aproveite os aplicativos de edição de imagens que estão disponíveis no mercado e compartilhe com outras pessoas o seu trabalho.

São os detalhes que vão chamar a atenção de quem pretende comprar roupas online.

Calça jeans, camiseta branca, bolsa, sapato e flores posicionados para serem fotografados e divulgados.
Monte um cenário na hora de fotografar as peças. Às vezes, um simples objeto já é suficiente para complementar a composição.

Uma boa ideia de divulgação é utilizar três fotos na mesma postagem, chamado formato carrossel. Por exemplo, uma das imagens com modelos vestindo a peça que deseja divulgar, outra com a parte frontal da vestimenta e a última com a parte de trás. Assim, você mostra tanto o caimento da roupa como os detalhes que ela possui.

Nos stories, anuncie as novas publicações. Como o algoritmo do Instagram não exibe as postagens em ordem cronológica, essa é uma boa forma de evitar que os interessados percam seus conteúdos.

Com essas sugestões, você conseguirá vender roupas pelo aplicativo e alavancar a sua marca de maneira rápida e prática. Gostou das dicas para vender no Instagram e quer aprender mais sobre? Baixe gratuitamente o guia definitivo de Marketing Digital para pequenas confecções da Digitale Têxtil!

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Comentários

Comentários

Comentários (2)

Deixe seu comentário.

Seu e-mail não será publicado.

Voltar para o topo