Lendo agora
Upcycling na moda: o que é e como aderir ao movimento

Upcycling na moda: o que é e como aderir ao movimento

upcycling na moda - conheça o movimento!

A sustentabilidade é um fator determinante na compra: quase 90% dos consumidores preferem empresas sustentáveis. O upcycling surge, nesse contexto, como alternativa para defender o consumo consciente na moda e minimizar os impactos ambientais causados pela produção têxtil.

Continue a leitura para conhecer o conceito do upcycling na moda e entender como aplicá-lo na sua confecção.

O que é upcycling?

Resumidamente, upcycling é o processo de criação de novos itens a partir de materiais já existentes. Seu custo é baixo, consome pouca energia e dispensa o uso de componentes químicos.

Ao reaproveitar o material original, a vida útil do produto é prolongada, evitando que ele seja rejeitado e substituído por uma nova versão – que, eventualmente, também seria descartada.

Upcycling na moda

O ciclo de produção do mundo da moda está longe de ser sustentável: a fabricação têxtil é uma das mais prejudiciais ao meio ambiente, seja pela liberação de toneladas de gases de efeito estufa ou pelo descarte indevido de peças de roupas.

O upcycling transforma resíduos têxteis em novas roupas, duplicando o ciclo de vida das peças. Do ponto de vista criativo, também agrega novas informações ao produto, que pode ser repaginado de acordo com as tendências do mercado.

O movimento slow fashion, que vem tornando-se mainstream, caminha lado a lado com o upcycling. O objetivo de ambos é fazer com que o consumidor perceba as consequências da produção desenfreada e a importância do consumo consciente e responsável.

upcycling na moda
Slow fashion e upcycling: roupas são ressignificadas e consumidas de forma sustentável.

Como aderir à tendência

Agora que você já tem conhecimento do que é o upcycling na moda, chegou a hora de visualizá-lo na prática. A principal metodologia é o aproveitamento de tecidos, seja por meio de colagens ou transformando inteiramente uma peça.

Blusas viram vestidos, saias, bolsas, faixas de cabelo, sapatos e itens variados. Peças garimpadas, com defeitos e produzidas para períodos específicos, como a gravidez, também podem servir de matéria-prima para uma moda mais sustentável.

Veja também
cursos livres de moda

Upcycling: mulher cortando peças antigas para reutilizá-las.
Upcycling é sobre repensar as peças que já estão no seu guarda-roupa e sobre os tecidos que utiliza.

Aliado a isso, as empresas podem utilizar os recursos digitais e a tecnologia para diminuir a quantidade de sobras dos tecidos e aproveitá-los por completo.

O upcycling vem ganhando adeptos ao redor do mundo todo, incluindo grifes e estilistas de renome. Ao adotar a técnica na sua confecção de moda, você garante melhores condições ambientais na produção têxtil e diferencia a sua marca no mercado.

O que acha de receber atualizações sobre as movimentações do setor? Preencha o formulário abaixo e fique por dentro de todas as novidades!


5.00 avg. rating (92% score) - 1 vote

Comentários

Comentários

Comentários (2)
  • Gostei muito da matéria. Tenho uma fábrica de roupas esportivas, mais voltada para bike, e sempre achei que deveriamos ter uma maneira de aproveitar as sobras de tecidos e as peças que ficam encostadas. E esse movimento é muito importante para que o público aprenda a comprar essas peças feitas com esses materiais.

    • Que bom que gostou, Marina! Concordamos completamente e ficamos felizes de ver essas iniciativas!

      Quer ficar por dentro de mais dicas? Assine nossa newsletter e receba novos textos semanalmente, diretamente em seu e-mail!

Deixe seu comentário.

Seu e-mail não será publicado.

Voltar para o topo