Lendo agora
Tecidos sustentáveis: entenda o que são e confira exemplos!

Tecidos sustentáveis: entenda o que são e confira exemplos!

agasalho confeccionado em tecido sustentável

Diante da COVID-19 e das mudanças nos hábitos da população, a preocupação com os impactos ambientais da atividade humana cresceu consideravelmente. Com um quadro repleto de inseguranças, se tornou urgente investir em práticas que possam de alguma forma garantir um futuro melhor.

Na indústria têxtil isso se traduz na busca por alternativas sustentáveis, a fim de reduzir os impactos causados pelo setor. Uma das soluções são os tecidos sustentáveis, com processo de fabricação eco-friendly e grande potencial para substituir fibras tradicionais.

Essa onda sustentável, apesar de tendência, é muito mais do que isso. Trata-se de um novo direcionamento para o futuro do setor. Quer saber mais sobre o assunto e conferir exemplos de tecidos ecologicamente corretos? Continue a leitura!

banner para baixar guia de moda sustentável

Características dos tecidos sustentáveis

Os tecidos sustentáveis, como o nome sugere, são produtos eco-friendly, que geram menos impactos ao meio ambiente. Isso porque o processo de produção é consciente e evita o uso de químicos poluentes e milhares de litros de água.

Fornecedores de tecidos sustentáveis não somente fabricam e comercializam tais produtos, mas também se preocupam com toda a cadeia produtiva. Ou seja, o objetivo é reduzir o impacto ambiental como um todo, que começa na confecção e termina no descarte e reciclagem dos refugos.

tecidos enrolados
O que torna um tecido sustentável não é apenas sua matéria-prima, mas toda a cadeia produtiva.

Algodão orgânico, seda de soja e poliéster reciclado são apenas alguns dos exemplos comercializados por lojas de tecidos sustentáveis, mas as tecnologias atuais possibilitam um leque de opções, desde tecidos sustentáveis para biquíni, até produtos para confecção de moda casual, moda fitness e roupas de cama.

Além das malhas sustentáveis produzidas a partir de matéria-prima reciclável, o uso de insumos orgânicos tem sido uma excelente alternativa para o desenvolvimento de tecidos sustentáveis. Essas variantes se decompõem mais rapidamente, quando comparadas às fibras tradicionais.

Benefícios dos tecidos sustentáveis

O principal benefício dos tecidos sustentáveis é, certamente, a redução do impacto ambiental das cadeias produtivas. O processo como um todo, desde a produção até o descarte, consome menos água, reduz a poluição do solo e dos lençóis freáticos, e gera materiais que, além de biodegradáveis, são facilmente reciclados.

Outro ponto importante é que, assim como movimentos como o slow fashion, o upcycling e o second hand, os tecidos sustentáveis para roupas promovem o consumo consciente. Afinal, quem busca ativamente por produtos fabricados a partir de matérias primas naturais certamente já apoia a transformação do setor.

Ademais, a substituição dos materiais tradicionais por aqueles que sejam eco-friendly também pode dar vazão à movimentos como o veganismo. Um exemplo disso é o uso do couro fake no combate ao uso do couro tradicional.

No Brasil, os tecidos sustentáveis podem ser produzidos de inúmeras maneiras, considerando a riqueza natural que o país possui. Fibras à base de laranja, soja e bananeira são apenas alguns exemplos possíveis.

Fibras e tecidos sustentáveis

Antes de saber onde comprar tecidos sustentáveis, é interessante conhecer as opções do mercado. Como mencionado anteriormente, as tecnologias atuais permitem o desenvolvimento de diversos tipos de fibras. A seguir, mencionamos algumas.

Clique para baixar os moldes de 3 peças femininas para confeccionar.

Fibra da laranja

Essa fibra utiliza como base a celulose do bagaço das laranjas descartadas por fábricas de suco. O resultado é um tecido parecido com a seda, mais suave e leve, que pode ter tanto um acabamento opaco ou acetinado.

Fibra de bananeira

A confecção da fibra de bananeira usa como base o tronco da árvore, que é bastante resistente. Pode ser utilizada na confecção de tecidos que se assemelham ao algodão e à seda.

Algodão orgânico

O algodão tradicional é conhecido por ser um dos cultivos poluentes em seu processo de produção, já que utiliza inúmeros agrotóxicos, além de consumir muita água durante a irrigação.

A versão orgânica, em contrapartida, não utiliza agrotóxicos e pesticidas no processo de produção. E, por conta da rotação de culturas feita nesse tipo de plantio, os nutrientes do solo são preservados, eliminando ou diminuindo a necessidade do uso de químicos – como os fertilizantes – que degradam a terra.

algodão orgânico
O algodão orgânico é produzido sem o uso de fertilizantes químicos, pesticidas e consome menos água durante a irrigação.

Todavia, por ser uma cultura que respeita o tempo da natureza, a produção é menor e os produtos confeccionados com esse tecido são mais caros.

Veja também
Mulher ruiva fazendo anotações

Modal

O modal utiliza a casca de madeira como matéria-prima e não usa solventes nocivos no processo de produção. Pode ser utilizado na confecção de tecidos leves, com toque macios. Por esse motivo, é uma ótima opção para pijamas, peças de moda íntima e loungewear.

Linho

O linho é extremamente clássico, sendo utilizado em tendas e velas desde o Egito Antigo. É um produto sustentável porque não necessita de agrotóxicos no plantio e demanda pouca irrigação, o que reduz o consumo de água. Na moda, é comumente utilizado em peças como camisas, calças, blazers e lenços.

linho
O linho é um tecido sustentável muito utilizado em camisas, criando um visual mais rústico.

Banner Moda e consumo: previsões 2021/2022

Tecidos sustentáveis da Digitale Têxtil

A Digitale Têxtil possui uma gama diversificada de tecidos para moda praia, moda fitness, moda íntima e pijamas. Dentre as opções disponíveis, a Digitale Eco destaca-se quando o assunto é sustentabilidade.

A Digitale Eco é uma Supermicrofibra produzida com fio reciclado de garrafa PET 100% pós-consumo. Possui certificação GRS (Global Recycling Standing) e é uma excelente opção para quem procura produtos ecologicamente responsáveis e preocupados com o desenvolvimento sustentável.

Além disso, toda a produção da Digitale Têxtil utiliza estamparia digital e corantes a base de água, para reduzir o impacto ambiental do processo. Outros pontos positivos são a responsabilidade em reciclar praticamente todo o resíduo gerado pela empresa (95%) e a reutilização da água necessária para produzir os tecidos.

Os tecidos sustentáveis são uma das provas de que o setor de moda pode – e deve – mobilizar esforços no desenvolvimento de produtos e tecnologias de produção que contribuam para que a indústria têxtil seja menos poluente. O desenvolvimento sustentável, para além de uma alternativa, deve ser uma realidade.

Ficou interessado nos tecidos sustentáveis da Digitale Têxtil? Para saber mais sobre esses e outros produtos, fale com uma de nossas consultoras clicando no banner abaixo!

banner para falar com consultores

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Comentários

Comentários

Comentários (0)

Deixe seu comentário.

Seu e-mail não será publicado.

Voltar para o topo