Lendo agora
Você sabe o que é kidcore? Confira tudo sobre a tendência!

Você sabe o que é kidcore? Confira tudo sobre a tendência!

Olivia Rodrigo com estilo Kidcore

Não é nenhuma novidade que as tendências de moda são cíclicas e retomam elementos que, em algum momento do passado, fizeram muito sucesso. A explosão do kidcore é o exemplo perfeito para ilustrar essa questão.

Com uma estética que em nada economiza nos elementos infantis e coloridos dos anos 2000, o estilo kidcore explodiu no final de 2020, principalmente por sua viralização na rede social TikTok.

Muito além de bolsas de pelúcia, presilhas de cabelo e stickers com smiley faces, o movimento traduz um sentimento em comum, diante das atuais circunstâncias: reviver momentos nostálgicos da infância, quando as coisas eram mais tranquilas e descomplicadas.

Quer saber mais sobre o que é kidcore, como ele se tornou a febre atual e dicas para aplicar essa tendência em coleções? Continue a leitura!

O que é kidcore?

O kidcore é um movimento que aposta na estética infantil para a criação de visuais dreamy, coloridos, divertidos e para lá de extravagantes. A aesthetic bombou, principalmente, no final de 2020, com os milhares de Gen Zs compartilhando seus visuais no TikTok.

Os elementos do kidcore são inúmeros: desde estampas fofas com símbolos de flores, frutas, yin-yang, smiley faces, docinhos, até bolsas de pelúcia, aplicações de cabelo, presilhas (os famosos tic-tacs!), peças em crochê, jardineiras coloridas e muito mais.

Exemplo da estética kidcore
O kidcore incorpora diversos elementos para um visual nada minimalista. | Imagem: Reprodução/@kickiyangz

Além disso, acessórios de celular no estilo kidcore também estão ganhando o coração do público! Afinal, dentro dessa estética, tudo o que puder ser personalizado, será!

Após uma imensa onda que colocava o minimalismo como a máxima core aesthetic, o objetivo agora é criar visuais que não economizam em nada quando o assunto são os detalhes.

Não é à toa que vemos celebridades como Olivia Rodrigo — muito popular entre o público adolescente — investindo em looks coloridos, acessórios divertidos, como os colares de miçanga tendência, maquiagens que incorporam os símbolos mencionados acima e até mesmo face stickers.

Embora a tendência esteja muito presente nos visuais dos adolescentes da Geração Z, ela também faz sucesso entre os adultos com uma faixa etária média de 30 anos. Isso se dá justamente porque as roupas e acessórios utilizados têm como referência os desenhos e brinquedos dos anos 2000.

Essa retomada de elementos, embora vista como vintage pelos adolescentes, tende a gerar uma sensação de nostalgia entre o público mais velho. É justamente esse ponto que faz com que o significado do kidcore seja abraçado pelos millennials (nascidos entre 1980 e 1994).

Cena da série Lizzie McGuire
As roupas kidcore recuperam a estética de grandes sucessos dos anos 2000, como a série Lizzie McGuire. | Imagem: Reprodução/InStyle

Por que o kidcore fez tanto sucesso em 2020

Como mencionado anteriormente, um dos pilares principais do kidcore é o uso de elementos infantis, alegres, divertidos e nada minimalistas. E por que isso foi aceito tão bem, se vínhamos em uma era onde o minimalismo era a grande aposta?

Na moda, as tendências podem ser tanto um reflexo do tempo no qual estão vigentes, ou uma espécie de afronta ou escape às circunstâncias dessa época. O kidcore, nesse sentido, em muito se encaixa na segunda categoria.

Diante de todas as instabilidades e crises causadas pela pandemia, fica mais fácil entender o porquê de uma retomada da alegria infantil ser tão bem aceita.

Para muitos, a aesthetic é uma lembrança de épocas mais simples e felizes. Ela evoca as boas memórias e recupera um aspecto sonhador, muito necessário para pessoas que procuram uma forma de desviar as angústias dos tempos atuais.

cta-moda-pos-pandemia

Como aplicar a tendência em looks e coleções?

Embora o kidcore tenha uma estética específica e bem estabelecida, você não precisa, necessariamente, apostar em todos os elementos para incorporá-la em coleções.

Veja também
moda fitness: tendências para 2021

Uma das opções para aplicar a tendência seria investir em peças chave que incluam os elementos do kidcore. Ou seja, você pode criar em uma camiseta estampada com personagens ou símbolos dos anos 2000, por exemplo.

A Renner produziu uma coleção completa de camisetas, croppeds e camisas estampadas com personagens dos Rugrats, animação clássica dos anos 90 e 2000. No ramo de acessórios, a loja Sante possui um portfólio completíssimo com brincos, colares, anéis, cordinhas de óculos e muito mais, todos inspirados na estética kidcore, incorporando símbolos alegres e coloridos.

Acessórios da marca Sante
Marcas como a Sante investiram no kidcore para desenvolver acessórios coloridos e alegres. | Imagem: Reprodução/Loja Sante

Para quem prefere criar roupas atemporais, como as peças neutras, uma boa opção é apostar nos acessórios kidcore. Bolsas, lenços e bucket hats enriquecem as produções e trazem aquele ar divertido e sonhador, sem criar um enfoque exagerado nos elementos mais infantilizados.

Contudo, se sua linha tem como público-alvo a geração Z, pode se jogar sem medo! Camisetas com apliques e bordados, jardineiras coloridas, estampas repletas de símbolos, ideias com miçangas… Quanto mais, melhor!

Mulher segurando um crocs com acessórios kidcore
Peças com estampas alegres e acessórios personalizáveis são boas formas de investir na estética kidcore. | Imagem: Reprodução/@flex.mami

Dicas suplementares

Para garantir o sucesso de sua coleção, considere investir na combinação de movimentos em alta. As tendências de comfortwear pedem por roupas com modelagens amplas e que abraçam os corpos. Nesse sentido, também é importante apostar na inclusão, criando uma tabela de numerações que disponibilize produtos para diferentes tipos de corpos.

Na hora do styling, aproveite para encher o cabelo das modelos com miçangas e tic-tacs. Os face stickers também criam um visual super divertido e inusitado, agregando ainda mais à estética.

Embora o kidcore seja uma tendência muito presente entre o público adolescente, a alusão que o movimento faz aos anos 2000 e suas características alegres e sonhadoras fez com que a estética ganhasse adeptos das mais variadas faixas etárias. Afinal, quem é que não sonha com tempos mais leves, divertidos e fáceis hoje em dia?

Se você gostou desse conteúdo, aproveite para se inscrever na newsletter da Digitale Têxtil e acompanhar mais matérias sobre novidades no mundo da moda, dicas para negócios do nicho, além de conhecer tudo sobre nossos produtos. Para isso, basta preencher o formulário abaixo:


0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Comentários

Comentários

Comentários (0)

Deixe seu comentário.

Seu e-mail não será publicado.

Voltar para o topo