Lendo agora
História do Biquíni: 75 anos da peça favorita do verão

História do Biquíni: 75 anos da peça favorita do verão

história do biquini

Falar de moda praia sem citar o biquíni é impossível. Essa peça icônica reina nas praias, piscinas, cachoeiras e muito mais. Você conhece a história do biquíni? Derivada do maiô, a vestimenta foi lançada em 1946 e completa 75 anos em 2021. Quer saber mais sobre a invenção do biquíni e curiosidades? Continue a leitura!

banner estampas atemporais

Em que ano foi criado o primeiro biquíni? 

Apresentado pela primeira vez em 1946, em uma piscina pública de Paris, o biquíni foi criado por Louis Réard, e a primeira mulher a usá-lo foi Micheline Bernardini.

Micheline, dançarina de boates adultas que posava para revistas eventualmente, foi escolhida para usar o biquíni pois nenhuma modelo havia aceitado o convite. Para a época, este era um modelo extremamente ousado. E aparecer em público com uma peça tão pequena, que deixava o umbigo à mostra, era considerado vulgar.

Como Réard sabia que sua invenção era, no mínimo, escandalosa para a época, decidiu estampar o primeiro biquíni com diversos jornais. Afinal, no dia seguinte de seu lançamento, a peça certamente seria manchete nos periódicos ao redor do mundo.

O nome “biquíni” foi inspirado na Ilha Bikini, localizada nos Estados Unidos. A ilha era usada para testes com bombas nucleares e, segundo Louis, sua invenção também era explosiva.

Louis Réard e a história do biquini
A invenção do biquíni seria um momento de alvoroço na indústria da moda e Louis Réard sabia disso. Tanto é que estampou a primeira peça com jornais e manchetes. | Imagem: Reprodução/Vogue

No Brasil, o biquíni deu as caras no final dos anos 1940. A primeira aparição pública da peça aconteceu em 1948, com a modelo Miriam Etz. Gradualmente, o traje de banho foi aparecendo nas praias. Helô Pinheiro, musa inspiradora do clássico “Garota de Ipanema”, também foi uma das primeiras a se render à peça.

Mesmo que a criação de Louis Réard seja considerada o primeiro biquíni da história, registros arqueológicos foram encontrados na Itália, nos quais a deusa Vênus utilizava um biquíni. Ou seja, a idealização da peça no imaginário existe há séculos!

história do biquíni
Uma curiosidade sobre o biquíni é que, apesar da peça ter sido produzida apenas no século XIX, ela já estava presente em pinturas da deusa Vênus! | Imagem: Reprodução/Andreas Wahra

Polêmicas e popularização

Louis estava certo quando afirmou que o efeito de uma mulher usando o biquíni seria explosivo.

A história do biquíni é cheia de polêmicas. A peça foi proibida em muitos países, incluindo Brasil, por ser considerada vulgar e um atentado ao pudor.

Em 1951, a primeira edição do concurso Miss World, realizado em Londres, vetou o uso da peça. Outras competições acompanharam a tendência.

Mesmo assim, nada impediu com que o biquíni continuasse ganhando novas entusiastas. Uma das maiores responsáveis pela normalização e popularização do biquíni foi a atriz Brigitte Bardot.

Brigitte Bardot e a história do biquíni
O uso do biquíni por ícones como Brigitte Bardot foi essencial para que a peça ganhasse força na moda praia dos anos 70, 80 e décadas seguintes. Imagem: Reprodução/Andreas CBS News

Em um de seus filmes mais famosos, intitulado E Deus Criou a Mulher, Bardot aparece em cena com um biquíni em xadrez vichy. Na época, a peça rapidamente se tornou desejo entre mulheres do mundo todo, uma vez que a atriz era o grande ícone de beleza.

Além disso, durante o Festival de Cinema de Cannes de 1953, a modelo e atriz ousou e apareceu em uma praia francesa com a “peça infame”. Depois desse episódio, as vendas subiram exponencialmente e a história do biquíni entrou em uma nova fase: a produção e uso em massa.

No Brasil, nomes como Carmem Verônica e Norma Tamar chamaram a atenção na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Esbanjando sensualidade, a peça logo se tornou querida por inúmeras mulheres brasileiras.

Leila Diniz com biquíni dos anos 70
Nos anos 1970, a atriz Leila Diniz desfilou por Ipanema usando um biquíni quando estava grávida de oito meses. A imagem icônica foi um grande símbolo para a libertação feminina na época. | Imagem: Reprodução/Terra

Ousadia na moda praia

A história do biquíni não para por aí. Nos anos 70, o modelo estilo tanga começou a aparecer nas praias. Com calcinha mais cavada, cintura baixa e parte de cima menor, a peça se popularizou rapidamente.

Veja também
Audrey Hepburn em Bonequinha de luxo

A prática entre as mulheres de enrolar a parte lateral do biquíni, deixando-o mais cavado, serviu de inspiração para a criação dos modelos asa-delta. Nos anos 1980, outros modelos como o sutiã cortininha e as calcinhas com laços laterais também foram ganhando espaço nas praias e piscinas ao redor do globo.

biquini dos anos 80
Com a popularidade crescente do biquíni nos anos 80, novos modelos surgiram como o sutiã cortininha e calcinhas com amarração, além do famoso asa delta.

No Brasil, a evolução de peças do biquíni asa-delta deu origem ao famoso fio dental, com uma proposta ainda mais ousada e sensual. Embora não seja tão popular em outros países, é um dos grandes protagonistas nas praias brasileiras.

O biquíni nos anos 90 ganhou ainda mais reconhecimento e começou a marcar presença nas passarelas. Junto aos trajes de banho, designers investiram em acessórios que acompanhassem o look veranil, como saídas de praia, chapéus, cangas e muito mais.

Outra importante evolução na história da moda praia e do biquíni foi a criação de tecidos com elastano, mais adequados para a peça. Esse movimento auxiliou na criação de modelos mais confortáveis, práticos e tecnológicos.

banner moda e consumo 2020/2021

E, embora não tenha alcançado muita adesão no Brasil, o topless também faz parte da história do biquíni e merece ser mencionado. A ideia surgiu com Rudi Gernreich nos biquínis dos anos 60, e faz muito sucesso até hoje em praias europeias.

Gostou de saber sobre a história do biquíni, suas polêmicas e evolução? Aproveite e confira como as tendências se transformaram desde 1940 até os anos 2000, baixando o nosso e-book gratuito. Basta clicar no banner abaixo!

banner anos 40 ao 2000

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Comentários

Comentários

Comentários (0)

Deixe seu comentário.

Seu e-mail não será publicado.

Voltar para o topo