Lendo agora
Como cortar tecido corretamente e acertar na modelagem?

Como cortar tecido corretamente e acertar na modelagem?

como cortar tecido - tudo o que você precisa saber!

Saber como cortar tecido sem prejudicar o caimento da peça ou desperdiçar material não é uma tarefa tão simples. Além de conhecer as características de cada fibra, você precisa dominar as ferramentas certas, ajustar o posicionamento do molde e alinhar as estampas.

Pensando nisso, reunimos diversas dicas para te ajudar a acertar no corte de tecido e garantir a qualidade das peças da sua confecção. Não perca!

Encontre o lado e a direção do tecido

Todo tecido tem lado e direção, e saber identificá-los é essencial para garantir precisão no corte. O lado direito é o que deve ficar para fora quando a roupa for costurada, enquanto o lado avesso fica para dentro.

Algumas tecituras são mais fáceis de identificar, como as estampadas, em jeans, veludo ou outros materiais com textura acentuada. Em casos onde não há diferença na composição, você é quem vai determinar os lados do tecido.

como cortar tecido - lado e direção
Identificar o lado avesso é o primeiro passo no corte de tecido, pois é nele que as marcações serão feitas e o molde será baseado.

A direção da fibra se refere ao sentido em que o corte será feito, baseando-se sempre na ourela, que é o acabamento lateral da peça. A decisão é feita de acordo com a elasticidade e caimento desejados, já que cada sentido entrega um resultado para a roupa.

Quando o fio é posicionado paralelamente à ourela e cortado no sentido do comprimento, é chamado de urdume. Esse tipo de corte proporciona mais resistência ao tecido, diminuindo possíveis deformações.

O corte feito em direção à trama forma um ângulo de 90º com a ourela, entregando leveza e volume. Outro corte de tecido muito utilizado na confecção de moda é no sentido do viés, que é feito em um ângulo de 45º e garante maleabilidade e elasticidade para as peças.

Conheça as especificidades da fibra

Saber como cortar tecido sem desfiar ou prejudicar o caimento envolve conhecer bem a fibra com a qual você está lidando. Tecidos finos, por exemplo, são delicados e costumam ser mais difíceis de manusear, por isso, é indicado colocar um papel de seda por baixo e cortar os dois materiais de uma só vez.

Couro e outras fibras resistentes devem ser cortadas em uma tábua própria e com cortadores rotativos. Peles falsas, ao contrário do habitual, apresentam melhor resultado quando cortadas do lado avesso.

Outro passo importante é saber se o tecido encolhe depois dos processos de lavagem e secagem. Caso você não tenha essa informação, é recomendado fazer o chamado pré-encolhimento, que consiste em lavar um pequeno fragmento do tecido, seguindo as instruções do fabricante, e observar como ele reage.

O corte das fibras de cores sólidas normalmente é feito dobrando o tecido ao meio, para economizar tempo. Tecidos estampados, porém, precisam de atenção redobrada. Para não desalinhar as padronagens, a dica é cortar o primeiro conjunto de peças, usá-las como molde para combinar as estampas e, só então, cortar os demais conjuntos.

Use moldes e marcações

Como cortar tecido com molde é uma das principais dúvidas de quem ainda não sabe muito sobre produção de roupas. Embora alguns alfaiates façam o corte de tecido diretamente no material, a maneira mais fácil de acertar na modelagem é montando um molde de papel.

Veja também
Como nascem as tendências

como cortar tecido - molde
Além de prático e acessível, o molde de papel é um dos grandes segredos para quem quer saber como cortar tecido corretamente.

Faça marcações com lápis, para conseguir modificar traçados incorretos, e invista em uma régua de modelagem para auxiliar o processo. Na hora de cortar o molde, lembre-se de calcular um espaço extra para a borda – normalmente, esse espaço mede de 1 a 2 cm.

Baixe o Guia de Produção Sustentável de moda clicando na imagem.

Modelos similares têm cortes parecidos, o que facilita bastante na hora de cortar as peças da sua coleção. Ao mesmo tempo, cada corpo tem proporções diferentes e cada detalhe acrescenta novas dimensões ao molde. Montar uma base pode ajudar bastante, mas tenha em mente que essas medidas não serão eternas!

Agora que você já conferiu os segredos de como cortar tecido e garantir um bom caimento, será capaz de aproveitar o máximo de matéria-prima e oferecer qualidade para seus clientes.

Assine nossa newsletter para receber conteúdos sobre tecidos, modelagem e confecção de moda em primeira mão, diretamente em sua caixa de entrada. É só preencher o formulário abaixo!


5.00 avg. rating (92% score) - 1 vote

Comentários

Comentários

Comentários (0)

Deixe seu comentário.

Seu e-mail não será publicado.

Voltar para o topo